O futuro dos meios de comunicação parece tão promissor quanto os gadgets da ficção


Data da publicação: 13/2/2017
O futuro dos meios de comunicação parece tão promissor quanto os gadgets da ficção

A estreia da terceira temporada da série Black Mirror, no final de outubro na Netflix, reacendeu aquele assunto que de tempos em tempos vira trending topic: o uso da tecnologia no mundo atual e suas possíveis consequências.
Entre alguns dos dispositivos imaginados pela série estão um chip capaz de ampliar a capacidade da memória humana e robôs que emulam a presença de uma pessoa. Na vida real, o futuro dos meios de comunicação parece tão promissor quanto os gadgets da ficção.
Em artigo publicado por Peter Diamandis, responsável pela X Prize Foundation e um dos cabeças da Singularity University, o empreendedor e inovador declarou o fim da era dos e-mails e destacou as tecnologias que vão substituir o correio eletrônico.
Além do número massivo de mensagens que entopem nossa caixa de entrada diariamente e a falta de objetividade nos textos enviados, Diamandis pontua que é muito fácil interpretar de forma errada as intenções ou emoções passadas em um e-mail.



Agenda

CENTRAL DE MATRÍCULAS

Ligue (71) 2107 4600 ou  CLIQUE AQUI